Copa & Taça Blog

Harmonização da água: como beber e servir os diferentes tipos da bebida

“Água é tudo igual”Harmonização da água como beber e servir os diferentes tipos da bebida, você já ouviu essa frase? Provável que sim, mas essa sentença não é tão verdadeira assim. Ela pode ter ou não a presença de gás e diferenças na concentração dos minerais, o que depende da origem da fonte e tipo de solo que ela entrou em contato.

 

 

Aromas e sabores são perceptíveis devido ao terroir, ou seja, pelo contato do líquido com substâncias minerais presentes no solo. Outra alternativa que confere propriedades distintas à água é o percurso geográfico que ela faz e por onde passa para ser extraída. Em alguns casos, até mesmo a adição de novos compostos químicos ou o material utilizado para engarrafar e conservar a bebida.

 

Na hora de servir, pode ser apreciada ou sozinha ou harmonizada com vinhos, cafés e até com alguns pratos. A dica de ouro é que a água e o outro item devem se equilibrar. Se um é mais potente, o outro deve ter uma personalidade semelhante para não se ocultar em uma refeição.

 

 

Vamos te ajudar, confira nossas dicas:

 

 

Harmonização com cafés - o papel da água nessa harmonização é permitir que as pessoas sintam o melhor dos sabores da bebida. Por isso, a água gaseificada é a melhor opção;

 

 

Harmonização com vinhos - aqui a água têm a função de reduzir o paladar residual da comida e do próprio vinho, realçar sabores e aromas e auxiliar no processo de digestão. Com brancos e alguns rosés, prefira águas pouco mineralizadas e sem gás. Os vinhos tintos, que são mais ácidos, não devem ser associados às águas gaseificadas nem às muito mineralizadas porque elas podem intensificar a acidez da uva e prejudicar o sabor;

 

 

Harmonização com comida - para os pratos do dia a dia é ideal uma água leve e pouco mineralizada. Já quando se trata de carnes vermelhas e molhos mais encorpados, uma água mais robusta, gaseificada ou com mais concentração de minerais pode ser uma boa pedida.

As incríveis cervejas belgas 

Consideradas as melAs incríveis cervejas belgashores do mundo, as cervejas belgas são famosas pela grande variedade e complexidade. São mais de 1.500 tipos diferentes, com marcas consagradas como Leffe e Stella Artois. A tradição cervejeira do país vem desde a era medieval e eles são conhecidos por ter criado dezenas de estilos diferentes da bebida: as leves Witbiers, as robustas Dark Strong Ales, as refrescantes Saisons, as azedas Lambics e as requintadas Bière Brut.

 

 

Em sua maioria, elas são envasadas em garrafas de vidro, que preservam o sabor e a textura da bebida. Você viu que eles entendem mesmo de cerveja, né? Cada gole é uma descoberta de sabores!

 

 

Por isso, nossa adega conta com alguns dos melhores rótulos belgas e você precisa conhecer e experimentar:

 

 

Delirium Nocturnum - é uma tradicional cerveja do tipo Belgian Dark Strong Ale: possui cor escura, espuma densa e é bem encorpada. Feita com 5 tipos de malte e 3 tipos de leveduras, seu aroma é complexo e marcante, com notas de uva passa e chocolate;

 

 

Hoegaarden - feita de trigo, tem cor clara e turva. As sementes de coentro e raspas de casca de laranja, utilizadas em sua produção, lhe conferem um gosto refrescante e suave, e ao mesmo tempo, doce e levemente cítrico. Um sabor original e marcante, que harmoniza perfeitamente com peixes e frutos do mar, e fazem dela a cerveja de trigo mais popular da Bélgica;

 

 

Stella Artois - com mais de 600 anos de tradição, a receita dessa cerveja foi criada como um presente de Natal para os habitantes de Leuven, na Bélgica. Sua cor cristalina e aroma suave com notas maltadas são resultados do lúpulo tcheco Saazner, utilizado na produção. O sabor único desta Premium American Lager combina perfeitamente com pratos de bacalhau e camarão.

O mundo dos vinhos orgânicos

O mundo dos vinhos orgânicosJá ouviu falar dos vinhos orgânicos? Sim, eles existem! As práticas sustentáveis também chegaram ao universo das vinícolas. Eles são produzidos a partir de uvas de cultivo orgânico, que consiste em utilizar apenas produtos naturais contra pragas, excluindo os produtos químicos, e mantém toda a qualidade dos vinhos.

 

 

Esse mercado inovador atende aos consumidores conscientes, que buscam cada vez mais aliar seu bem-estar ao cuidado com o meio ambiente, que garante mais qualidade e menos impacto ambiental.

 

 

Em nossas lojas contamos com a linha de vinhos búlgaros BIO, do produtor Edoardo Miroglio, que é elaborada de maneira orgânica – em uma vinícola muito moderna e inovadora.

 

 

São três excelentes opções: Bouquet Nouveau – com sabor muito leve e fresco – Mavrud & Rubin, que tem aroma de frutas vermelhas equilibradas com o carvalho francês e o Viognier e Traminer, para os apreciadores de um bom frutado e com fragrâncias de ervas.

 

 

Conheça mais sobre esses vinhos orgânicos disponíveis em nossas adegas:

 

Bouquet Nouveau – preparado com uvas Bouquet, cruzamento entre Mavrud e Pinot Noir, elas são cultivadas na região da aldeia indígena de Elenovo. É feito com maceração carbônica, tecnologia usada na França. Tem cor rubi brilhante e aroma de frutas frescas vermelhas e pretas. Na boca é um vinho fresco e frutado, com taninos sedosos e acabamento bem equilibrado. Sirva a 13°C com massas, pizzas e diferentes tipos de queijo amarelo;

 

 

Mavrud & Rubin – combinação entre as uvas Mavrud e Rubin, ele apresenta cor rubi intensa e viva. O aroma tem nuances de frutas vermelhas, como cereja e amora, elegantemente equilibradas com o carvalho. Envelhecido por 6 meses em barril de carvalho francês e barricas de carvalho búlgaros. Sirva a 13° C com pratos de carne vermelha, churrasco e queijos amarelos;

 

 

Viognier e Traminer – com cor amarelo-palha e nuance esverdeada, ele harmoniza perfeitamente as uvas Viognier e Gewürztraminer. É envelhecido em tanques de aço inoxidável. Apresenta sabor frutado combinado com fragrâncias de ervas. O ideal é servir a 13°C com pratos que levem peixes, frutos do mar ou carnes brancas;

Energize seus drinks

Energize seus drinksBebidas à base de cafeína, os energéticos são famosos para quem deseja ter mais pique durante alguma comemoração, seja ela noturna ou diurna. Uma mistura famosa é a da bebida com algo alcoólico.

 

A dupla mais famosa do energético é a vodka, mas, também existem outras combinações que podem dar uma cara nova para os seus drinks. Dá só uma olhada:

 

 

Catuaba com energético

Ingredientes:

Gelo

Catuaba

Energético

 

Preparo:

Encha um copo de gelo e sirva duas porções iguais de Catuaba e energético.

 

 

Lichia com gin, pimenta rosa e energético

Ingredientes:

3 pedras de gelo

1 Lichia

30 ml de licor de Lichia

30 ml de gin

Energético

7 pimentas rosa

 

Preparo:

Coloque tudo em um copo, complete com energético e mexa

 

 

Tangerina, limão, vodka e energético

Ingredientes:

3 gomos de tangerina

2 gomos de limão siciliano

2 colheres de açúcar com canela

Gelo

40 ml de vodka

20 ml de xarope de violeta

Energético

 

Preparo:

Amasse em um copo a tangerina, o limão siciliano e o açúcar com canela. Coloque o xarope de violeta, o gelo, a vodka até metade do copo, e complete a outra metade com energético.

 

 

Vinho tinto seco, hibisco e energético

Ingredientes:

Gelo

80 ml de vinho tinto seco

20 ml de xarope de hibisco

Energético

 

Preparo:

Coloque o gelo em uma taça de vinho, o vinho, o xarope e complete com energético.